7 Coisas que os homens devem saber sobre Exames da Próstata

Falar em exames da próstata ainda é um assunto evitado por muitos homens – por medo do desconforto, medo do possível diagnóstico ou simplesmente porque acreditam estar tudo bem.

Contudo, sabendo que algumas patologias da próstata são muito comuns, os exames podem realmente ser os melhores amigos na vida de muitos homens, pois são uma forma de preservarem a sua saúde e qualidade de vida e estarem atentos aos sinais do corpo.

Por isso, hoje vamos responder a algumas questões muito frequentes.

 

1. Como saber quando devo fazer exames?

Normalmente, o assunto dos exames costuma ser mais comum em homens mais velhos. Porquê?

Porque a predisposição para desenvolver algumas patologias é maior numa idade mais avançada.

Assim sendo, se tem mais de 50 anos, deve fazer exames de diagnóstico de forma regular.

Mas existem factores de risco que tornam esta necessidade ainda maior, como a presença de testosterona, por ser responsável pela multiplicação celular e a consequente alteração de tamanho da próstata, assim como o histórico familiar quanto a algumas patologias.

Para além disso, pensa-se que existem outros factores relacionados com o estilo de vida que também podem causar alterações na próstata, nomeadamente os hábitos alimentares - dietas ricas em gorduras e elevado consumo de carnes vermelhas, a obesidade ou a falta de exercício físico.

Assim, se reconhece algum destes factores de risco, deve fazer exames, de preferência sem os adiar, a partir dos 40-45 anos..

O mesmo acontece para as situações em que são notados algumas queixas do aparelho urinário inferior, como desconforto miccional, aumento da frequência das micções, diurnas e nocturnas ou a dificuldade em reter a urina.

 

Teste Ipss Sintomas Prostata

 

2. Não sinto sintomas. Porque devo fazer exames?

Mesmo sem sintomas deverá fazer os exames recomendados porque na maioria dos casos o cancro da próstata é assintomático e, como já vimos, existem alguns factores de risco que aumentam a probabilidade de vir a desenvolver problemas na próstata.

Algumas patologias, como o tumor da próstata, desenvolvem-se frequentemente de forma silenciosa. Isto é, mesmo que não tenha sintomas, não significa que não exista um problema.

Por isso, proceder a exames de diagnóstico pode permitir caracterizar a patologia e iniciar o tratamento o mais cedo possível, beneficiando a sua saúde.

 

3. Que alterações podem ser detectadas nos exames?

De forma geral, podem revelar quadros de:

Além disso, contribuem para saber o que está na sua origem e assim adequar o método terapêutico.

 

4. Que exames é necessário realizar?

Os que o médico especialista considerar necessários para um diagnóstico completo que despiste a presença de alterações ou, em casos positivos, permite conhecer todas as informações sobre elas.

De forma geral, existem dois exames básicos essenciais:

Além destes, é frequente que sejam pedidos outros exames complementares para clarificar a situação clínica, como por exemplo biópsias, ecografias, ressonâncias magnéticas, tomografias computorizadas, entre outros.

 

5. Os resultados dos exames são imediatos?

Alguns exames de diagnóstico, como o toque rectal, permitem detectar em poucos segundos a presença de anomalias – nódulos, áreas duras suspeitas ou alterações de tamanho.

Contudo, outros métodos requerem análises em laboratório, como o teste do PSA.

Dado que é frequente que sejam pedidos outros exames complementares, é natural que não conheça os resultados de imediato.

Um dado positivo: a demora na obtenção dos resultados indica que a análise está a ser feita de forma precisa, e tem em vista a obtenção da melhor informação possível e, em última análise, a sua saúde.

 

7 Coisas Que Homens Devem Saber Sobre Exames Prostata

 

6. Os exames à Próstata requerem alguns cuidados prévios?

A resposta é: depende do exame.

Por exemplo, para realizar o teste do PSA, é recomendado que o paciente esteja em jejum pelo menos 4 horas antes do exame, que evite relações sexuais nas últimas 48/72h ou até que não realize exercícios que causem impacto no períneo, como andar de bicicleta.

Ainda assim, aconselhe-se junto do seu médico – saberá melhor que ninguém as recomendações a tomar.

 

7. Os exames à Próstata são dolorosos?

Esta é uma preocupação bastante comum. Se é um dos seus maiores receios, saiba que os procedimentos são, por norma, bastante bem tolerados, podendo alguns causar algum grau de desconforto, mas não sendo geralmente dolorosos.

Aliás, existem exames (como a biópsia prostática) em que são aplicados anestésicos locais (em gel ou creme) ou de outras forma, pelo que a sensação de desconforto é reduzida e o procedimento fácil de realizar.

 

Assegure a sua Saúde com profissionais de confiança

Sabendo da importância dos exames para a preservação da saúde, é fundamental que sejam usadas as melhores técnicas e que sejam realizadas por profissionais especializados. 

No Instituto da Próstata, somos especialistas em problemas da próstata e do aparelho urinário. A equipa é composta por médicos experientes, que aconselham e orientam os homens da melhor forma, sugerindo os exames mais indicados para cada situação.

Além do mais, utilizam métodos e equipamentos inovadores que pormenorizam os dados, permitindo completar a análise e, assim, assegurar um diagnóstico fiável e preciso.

Não deixe para amanhã – marque uma consulta de diagnóstico e comece hoje a cuidar de si.

Dr. José Santos Dias

Director Clínico do Instituto da Próstata

  • Licenciado pela Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa
  • Especialista em Urologia
  • Fellow do European Board of Urology
  • Autor dos livros "Tudo o que sempre quis saber Sobre Próstata", "Urologia fundamental na Prática Clínica", "Urologia em 10 minutos", "Casos Clínicos de Urologia" e "Protocolos de Urgência em Urologia"

Artigos Relacionados

Dr. José Santos Dias no XVI Simpósio da Associação Portuguesa de Urologia

O Dr. José Santos Dias, Director Clínico do Instituto da Próstata, foi um dos oradores do XVI Simpósio da Associação Portuguesa de Urologia (APU), que decorreu no dia 10 de Outubro de 2020, em Lisboa, Porto e Coimbra. Este evento, com...

Cancro da Próstata: Braquiterapia é das técnicas com menos efeitos colaterais

A possibilidade de surgirem efeitos colaterais é uma das preocupações mais recorrentes quanto aos tratamentos do cancro prostático. O cenário ideal é eliminar o tumor e melhorar a qualidade de vida dos pacientes, não tendo de lidar com...

Os Tratamentos mais eficazes para homens com Próstata Aumentada

As opções terapêuticas para a próstata aumentada, ou Hiperplasia Benigna da Próstata, são uma forma de acabar com a sintomatologia típica e incomodativa. Hoje em dia existe uma vasta gama de opções para o tratamento deste...

Pedido de Marcação de Consulta